Salão Imperial

 :: Térreo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Salão Imperial

Mensagem por Cora Neøbradzy Høffmann em Qui Fev 16, 2017 12:52 pm


Salão Imperial

O grande Salão Imperial é o lugar mais movimentado de todo o castelo devido ao fato de que todos os alunos passam por aqui ao menos 3 vezes por dia para fazerem suas refeições diárias. No início do ano é o local de recepção dos alunos novos e veteranos para a seleção das casas, seguido de um baquete magnífico e invejável. Ele possui 5 grandes mesas, na principal que está em cima de um tablado é onde a diretora, a vice diretora, os professores e funcionários da escola se sentam adquirindo um lugar de destaque em meio aos alunos. Já os outras mesas são 4 grandes e compridas mesas, feitas de mármore branco assim como a dos professores, porém com o símbolo da casa estampado no mármore a mais ou menos cada 2 metros, as pratarias, canecas e talheres, sendo de metal ou porcelana delicadamente decorada, também diferenciam as mesas de forma que a mesa da Noble sempre possui os mesmo em metal similar ao de espadas com detalhes em vermelho, a Persevérer com o prata e detalhes em cinza, a Juste com seu azul suave com detalhes em branco e a Sage com o bronze e delicados detalhes em roxo. Enquanto no centro do salão está o símbolo da escola no chão sempre lustroso.

As refeições possuem um cardápio muito variado servido pelos elfos domésticos da cozinha que fica exatamente abaixo do salão imperial. Durante o café da manhã são servidas muitas frutas, bolos, pães, bolachas, ovos e bacon, wafer, geleias, entre muitas outras coisas que os alunos adoram. Já o almoço e o jantar são bem mais variados de forma que todos os dias os alunos encontram uma comida diferente sendo servida, normalmente baseada na estação do ano em que estamos, durante o outono-inverno sempre é servida uma coleção de sopas diferentes e na primavera-verão são preferidas comidas mais leves e em alguns dias, principalmente nos finais de semana, é possível se encontrar alunos saindo com uma cesta de piquenique indo se divertir junto ao lago, bosques ou jardins. Quanto às bebidas? Bom uma bebida bem geladinha ou bom quentinha é sempre o melhor e assim um sistema especial foi criado de forma que o aluno simplesmente toca sua varinha no copo ou caneca e ela se enche com o suco gelado do sabor de sua preferência ou um cappuccino quentinho. Não é indicado se pedir bebidas inventadas ou muito diferentes ou desastres podem acontecer, bebidas alcoólicas e refrigerantes não podem ser desejados e quando desejados simplesmente não aparecem.

rpghogwartsschool.com


Cora Neøbradzy Høffmann
avatar

Posts : 915
Idade : 21
Localização : Nos Seus Pensamentos;

Ficha Mágica
Ano Escolar: Concluido
Nível do Personagem:
Casa: Noble

Sociedade Magica
Sociedade Magica

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Kang Myung Hwa em Sab Jan 20, 2018 9:51 pm

these feelings upon which the street lights shine,
Maddie permanecia alerta a qualquer movimento diante de si, apesar de haver plena consciência de que as barreiras do castelo continuavam mais fortes do que nunca. Não seria fácil para um trouxa (ou um grupo deles) entrar ali, a menos que um bruxo os estivesse ajudando. Ela nem conseguia imaginar aquela possibilidade. Sua mente trabalhava com tanto afinco e esforço que chegava a cansar; ainda não compreendia o porquê de tanto alvoroço pela exposição da magia, o porquê dos trouxas quererem tanto acabar com a sociedade mágica ou o porquê dos bruxos sentirem-se tão intimidados por aquilo. "Quer dizer, seria bastante fácil para os bruxos combaterem aos trouxas, certo?" Pensava ela, enquanto balançava a cabeça.

Após terem se separado da professora de etiqueta, os alunos primeiranistas foram conduzidos por veteranos pelo salão imperial. Pelo que parecia, aquela era uma espécie de reunião de emergência para discutir com os alunos a atual situação do mundo bruxo naquele momento; Maddie sentia-se aterrorizada, mesmo tentando manter-se calma ao exterior. Não queria que o corpo docente tivesse ainda mais trabalho, sem falar nos outros alunos que haviam perdido completamente a postura ao entenderem que a situação era grave demais para ser controlada pelo ministério e ainda haviam aqueles os quais exigiam que pudessem se comunicar com seus parentes. Madison tamborilou os dedos pequenos na mesa, começando também a imaginar o que estaria acontecendo na Coreia e se sua família estaria bem e protegida. Algo dentro de si a dizia que deveria mandar-lhes uma coruja, mas ela não queria dar ainda mais trabalho ao corpo docente que se empenhava tanto para manter a ordem no salão. Parecia um caos total. Sua pouca idade e pouco conhecimento não a permitia entender mais do que uma ou duas coisas de toda a confusão, por isso ela aguardava com ansiedade o pronunciamento da diretora.


chaotic
heart is off time
Kang Myung Hwa
avatar

Posts : 43
Idade : 15
Localização : Beauxbatons

Ficha Mágica
Ano Escolar: 5º Ano
Nível do Personagem: Mago promissor Mago promissor
Casa: Juste

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Shawn Zarek Stavros em Dom Jan 21, 2018 12:53 am



Os olhos de Shawn reviravam enquanto o rapaz levantava da cadeira onde estava sentado confortavelmente. Ele estava totalmente a par da situação em que a escola se encontrava mas preferia (seria fé o nome?) acreditar que nenhum bruxo, trouxa ou o que quer que fosse iria invadir o castelo. Aquilo era tudo seguro... Não é? Bem, ele apenas suspirou enquanto se enfiava pelo meio dos corredores para impedir que os alunos se espalhassem pelo castelo e se mantivessem no curso que daria até o salão imperial. 
Shawn pensava em mil coisas ao mesmo tempo e a principal era "Será que serei capaz de proteger essas pessoas? Merlim, são apenas CRIANÇAS!", dizia para si mesmo enquanto fazia uma espécie de barreira em um dos corredores. Os professores e outros funcionários "empurravam" os jovens para o salão. Aquele mar de pessoinhas eram responsabilidade deles. Crianças, adolescentes, quase adultos... Shawn estremeceu. Ele teve que crescer rápido de mais e não queria que isso acontecesse a uma daquelas pobres almas. 
Todo o corpo docente estava por dentro das revoluções que estavam abalando o mundo, mas tentavam disfarçar para não causar um pânico generalizado. Todos eles sabiam oque realmente esperava fora daquelas paredes, oque estava esperando uma pequena brecha para invadir e eles não poderiam dar essa becha. Assim que todos estavam no salão, ele tomou seu lugar perto de alguns docentes e cruzou os braços, rezando para que alguém tivesse uma boa notícia para dar. É, talvez o nome seja fé...




Shawn
                        Estagiário de Beauxbatons ∆ Zarek Stavros ∆ Perséverér ∆ Ex-Hogwarts


Shawn Zarek Stavros
avatar

Posts : 29

Ficha Mágica
Ano Escolar: 1º Ano
Nível do Personagem:
Casa:

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Lydia Mountbatten em Qua Jan 24, 2018 3:36 pm

O que está acontecendo?
As coisas andavam complicadas e Lydia temia pela vida de sua mãe, pois era uma trouxa cujo a filha era uma mestiça de um grande amor. Junto com os anos que se passaram pela escola, este estava sendo o mais complicado, pois o mundo parecia estar um caos e isso por causa dos relatos do Profeta Diário. As noticias chegavam muito rápido nos ouvidos dos alunos, nunca ninguém sabia quem foi o autor da descobertas, mas logo todos estavam sabendo, até antes mesmo que os diretores e docentes convocassem alguma reunião ou coisa do tipo. A loira estava preocupada com sua melhor amiga, ou melhor, com a menina que sentia mais que uma simples amizade, porém tinha medo de pedi-la em namoro e o pedido ser recusado, mas este não era o real motivo de não ter falado o que sentia a Aurora, o principal motivo era ficar sem a amizade da outra jovem. A Monitora-Chefe estava  conversando como uma colega de casa quando recebeu um memorando com a caligrafia da diretora pedindo ajuda para que ajudasse a levar os discentes para p Salão imperial com urgência. O pedido deixou a loira preocupada e logo pensou em Aurora e tratou de mandar um memorando para ela que fosse o mais rápido possível para o Salão e a encontrasse lá. Depois do memorando enviado, chamou todos os alunos de sua casa e os guiou para o local pedido. - Cadê essa garota? - Se questionou baixo ao chegar no recinto e não ver Aurora, mas o lugar já estava cheio de alunos, professores e outros funcionários. 
Lydia Mountbatten
avatar

Posts : 85
Idade : 16
Localização : Orfanato

Ficha Mágica
Ano Escolar: Formado
Nível do Personagem:
Casa: Persévérer

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Aurora Louise Moreau em Sab Jan 27, 2018 12:42 pm

Cartas na mesa
Os alunos franceses pareciam formiguinhas desesperadas rumo ao formigueiro. O salão imperial estava lotando aos poucos. Os monitores tentavam conter a exaltação dos membros de suas casas. Aurora nunca tinha visto agitação igual. Depois de realizar sua tarefa nos estábulos, seguiu para a parte interna do castelo. Durante o percurso recebeu um chamado eufórico. — O que foi dessa vez? Outro unicórnio escapou? — virou-se e viu uma garota da Persévérer alcançar-lhe. A mesma entregou-lhe um bilhete. — Que isso? — questionou ao apanhar um papel dobrado. — É da Lydia, urgente! — a menina saiu deixando a loira só com o recado em mãos. Sem perder mais um minuto abriu o memorando e viu do que se tratava. Lydia a esperava no salão. Finalmente iria reencontrar a amiga que a tanto aguardava.

Seu plano de ser uma das primeiras a chegar ao salão foi por água baixo. A multidão que aparecia em sua frente durante a caminhada atrasara o seu lado. Por fim, chegando ao tão temido destino encontrara Lydia próximo a uma das quatro mesas das casas. — Sua vaca! Onde esteve todo esse tempo? — ignorando as ordens para que se acomodasse na sua respectiva mesa, aguardou uma resposta da amiga.
Aurora Louise Moreau
avatar

Posts : 49
Idade : 16
Localização : França — Beauxbatons

Ficha Mágica
Ano Escolar: 5º Ano
Nível do Personagem:
Casa: Noble

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Lydia Mountbatten em Seg Jan 29, 2018 3:50 pm

O que está acontecendo?
Estava nervosa por não ter visto Aurora um bom tempo e queria socar a garota por demorar tanto para aparecer! Estava conversando com outra aluna quando escutou a voz da jovem que esperava a tempos. - Não me chama assim! Eu estava ocupada cuidando dos outros alunos!Estava na comunal ajudando alguns discentes mais novos com a dificuldade deles com as disciplinas. - Explicou passando a mão no cabelo de nervoso e bufou. - E não precisa me chamar assim, agora senta! - A outra garota tinha sido mandada sentar, mas claro que Lydia não queria a outra longe de si, então puxou para que sentasse na mesa da sua casa mesmo. Sabia que ninguém se atreveria a falar nada sobre ter uma aluna de outra casa entre eles, até porque se algum aluo fosse otário o bastante para fazer isso acabaria ferrado em suas mãos. A diretora por outro lado estaria muito mais ocupada com outra cosia para ficar notando alunos sentados em mesas de casa que não os pertencia. - Agora me fala onde merda tu se meteu a manhã inteira! - Falou entre os dentes, mas baixo para não chamar os olhares para elas. - Você sabe o que  é memorando? Sabe mandar isso para sua melhor amiga? - A questionou com os olhos semicerrados. Não estava brigando pelo fato de ciumes da amiga ou por querer controlar a vida dela, mas sim por puro medo.


Lydia Mountbatten
avatar

Posts : 85
Idade : 16
Localização : Orfanato

Ficha Mágica
Ano Escolar: Formado
Nível do Personagem:
Casa: Persévérer

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Behati Chamberlain McCain em Qui Fev 01, 2018 8:37 am

i see a red door, i want it paint it black
Desde a exposição mundial da magia nos EUA, a McCain não se sentia segura de sair sozinha, tanto que não era vista sem seu marido ou um dos filhos. Era o começo de ano em sua escola. E em todo o trajeto, feito com o amado, a seu pedido antes que ele tivesse de se atolar em trabalho, estava pensando em tudo que deveria fazer, deixando a cabeça ao ombro dele. Naquele ano em especial, utilizou a carruagem, que a levou para a escola, quando era mais jovem, e relembrou o casamento todo. Isso tinha 3 semanas. Tinha pedido apenas, que o esposo retornasse no dia do início do ano leitivo.

Estava com seu Oliver em seu escritório, com ele lhe fazendo carinho nos cabelos, consigo antes do jantar de início de ano. Seu vestido preto a deixava mais alta. Logo, ela viu uma coruja, e pegou a carta que ela trazia, reconhecendo o endereço e a letra. Camille. Sua irmã gêmea. Behati tinha a sensação de incômodo. Não queria ler aquela carta porque sentia que não era nada boa. — Por favor, Oli. Lê? — Deu a carta ao amado, que prontamente a leu. E a morena quase desmaiou quando ele terminou. Sentiu-se tonta. — Quando isso vai acabar? Eu quero voltar a me sentir segura quando sair na rua, Oliver. — Murmurou cansada. Ela sabia que não era culpa dele. E que ele fazia o melhor que podia. — Eu te peço como sua esposa e mãe dos seus filhos. Não como uma diretora. Resolva isso, amor. — Pediu, beijando as costas da mão do maior.

Assim que sorriu, guardou a carta e mandou patronos falantes para os professores, diretores de casa e funcionários da escola. Orcas prateadas voavam pela a escola. Em meia hora, uma tartaruga prateada de Antonella, uma de suas filhas, surgiu dizendo que estavam todos lá. A diretora arrumou a gravata do marido, assim como o terno, beijando o maior e lhe estendeu o braço, logo indo para o Salão Imperial. Descer do quinto andar para o térreo, deixava a McCain ansiosa com o que ela deveria dizer. Ela olhou para o esposo que lhe transmitia a confiança que ela não tinha. Ao chegar, abriu as portas e viu todos se levantarem. Uma tradição. Os alunos sempre se levantam na presença de algum superior e só se sentam quando o superior chega ao seu local. E fora isso que ocorrera.

Boa noite a todos. Primeiro, quero desejar-lhes um bom ano letivo. Que seja tudo glorioso e espetacular. Porém, não posso me prolongar nos tradicionais discursos de boas vindas. Temos sérias questões a tratar. E quem me conhece fora da escola, sabe que se meu marido está presente nesses momentos, é porque eu estou morrendo de medo de fazer esse discurso. Na verdade, nem queria. — Admitiu, apertando levemente as mãos do esposo. — Como sabem, o Mundo Bruxo está em crise, em todo o mundo. A magia foi exposta, por minha irmã, Camille, depois de um assassinato de trouxas nos Estados Unidos e todos ouviram falar das leis do ministro britânico. Eu não mentirei a vocês. Beauxbatons não é mais segura. Nem a França, nenhum lugar é. Os trouxas podem agora mesmo, estar sobre os terrenos da escola. Quem sabe? Podem estar com seus parentes. Eu prometi a mim mesma que caso ocorresse crises como essa na minha gestão, nunca iria mentir do ocorrido. — Riu baixo. — Funcionários do meu marido não querem que eu diga a verdade. Mas meu marido, quer. Acreditem brigamos por causa disso. Mas eu penso que devem estar prontos para enfrentar o mundo bruxo real, fora da escola. Pois nem sempre estarão protegidos. Eu garanto. Eu os protegerei como puder. E sei que meu Oliver, fará o que ele puder, para proteger vocês, fora daqui. Visando isso… — Fez uma pausa. — Não será permitido que alunos saiam a noite sem permissão, ou desacompanhados de um funcionário ou adulto, mesmo que seja seu último ano. Monitores e monitores chefes. As 22 horas devem estar na cama, aquele que não estiver na hora no prazo, terá advertência. Três, perderão seu cargo. A floresta agora, está totalmente proibida. E o uso de áreas externas da escola só pode ser feito até uma hora antes do jantar, pois a meu pedido, Oliver enviará alguns aurores para vigiar essas áreas e garantir a segurança. — Finalizou. — Podemos comer! — Logo a comida surgiu, a morena se sentou ao lado do marido a mesa enquanto comiam.

no colors anymore i want them to turn black


i put my high heels
walk right out the door
Behati Chamberlain McCain
avatar

Posts : 511
Idade : 29
Localização : Cannes, França — Academia de Magia Beauxbatons

Ficha Mágica
Ano Escolar: Concluido
Nível do Personagem: Merlin da nova era Merlin da nova era
Casa: Sage

Administradores
Administradores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Aurora Louise Moreau em Sab Fev 03, 2018 11:29 am

Cartas na mesa
Lydia se explicava. Desde que se tornou monitora a garota havia estado quase todo o tempo ocupada. Bancando a patrulheira uma hora, liderando os alunos para a comunal e coisas do tipo em outra hora. Aurora detestava essas funções. Mesmo que quisesse tornar-se uma monitora seria quase impossível por conta de suas notas. Só passava arrastada. Quando iria tomar vergonha na cara?

— Oieeee! Você não me vê a tanto tempo que já esqueceu que sou da Noble. — olhava para a Persévérer com cara óbvia após ser forçada a sentar na mesa. Seu protesto não adiantou, Lydia lançava-lhe mais perguntas. — Ei, sem estresse pro meu lado! Eu te procurei o dia inteiro! Estava resolvendo uma parada nos terrenos e bem na hora que fui te procurar rolou o aviso da diretora. — explicou-se. — Já você estava bancando a babá. E sim, sei o que é memorando, mas não tive tempo de mandar. — não conteve a primeira provocação e riu. Prestes a continuar aquela DR todos do salão levantaram-se. Aurora e Lydia fizeram o mesmo. Pela ação, sabia que a diretora havia chegado. Levantar-se perante a chegada de algum superior era algo visto como desnecessário para a nobleana. 

A diretora estava acompanhada com o ministro francês, vulgo seu marido. Aurora permanecia ali, parada, fazendo à egípcia enquanto o casal fazia o trajeto até o final do salão. Instantes depois a superior relatava o quadro social atual e ditou novas regras de segurança. Seguidamente se iniciou o banquete. Aurora dava glória aos céus, estava morta de fome. Sentou-se e começou a preparar seu prato. Percebeu um olhar estranho de uma garota para si, ela sabia o porquê. — Que foi?
Aurora Louise Moreau
avatar

Posts : 49
Idade : 16
Localização : França — Beauxbatons

Ficha Mágica
Ano Escolar: 5º Ano
Nível do Personagem:
Casa: Noble

Os Novatos
Os Novatos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Jean-Auguste Bertrand em Dom Fev 04, 2018 6:16 pm

Jean rumava até o Salão Imperial mesclando-se à multidão de discentes que, naquele momento, pareciam surgir de todas as partes do castelo. Tinha em mente o quão perigosa a situação atual era para o mundo bruxo, porém, de qualquer modo,
não estava assustado. Entretanto, nas profundezas de sua vala de sentimentos, o rapaz temia por sua irmã, que, neste momento, encontrava-se fora de seu alcance. Tal fato era como uma cruz sobre seus ombros. Após alguns minutos de claustrofobia e falta de ar em meio a outros alunos desesperados, sentou-se calmamente junto aos seus companheiros de casa na mesa da Noble. Ouvira atentamente o discurso da diretora, que estava acompanhada de seu marido Ministro. Lembrou-se do cargo de sua irmã no Ministério; ela havia finalmente conseguido, toda a família estava orgulhosa. Esperou a diretora dar as ordens para o início da ceia e retirou do bolso do uniforme um pedaço de pergaminho dobrado. Era a carta de Elle; havia a recebido mais cedo, no café-da-manhã, porém decidiu esperar mais um pouco para ler a mesma.

Querido Jean,


Nossos pais andam muito preocupados. Também não é para menos. As coisas andam difíceis, você sabe. Tudo isso está acontecendo logo agora que não estou ai mais perto de você. Por conta disso daqui a alguns dias estarei visitando o castelo para te ver e conversar com a diretora McCain, a mando de nossos pais. Andam tão ocupados que não podem fazer isso. Já disse a eles, você não é meu filho!


Em parte, tome cuidado! Não saia sozinho. Qualquer problema não deixe de nos comunicar.


Com carinho,


Eléonore Bertrand
.

Sentiu um sorriso saudoso formar-se em seus lábios. Finalmente iria ver sua irmã outra vez! Que boa notícia, pensava. Dobrou o pergaminho e guardou-o novamente. Fitou os outros alunos; visivelmente famintos, alguns debruçavam-se sobre a mesa para comer. Alcançou os talheres e iniciou sua refeição; tudo estava delicioso, como sempre. Enquanto comia, pensava em sua situação e em como as coisas mudam rapidamente. Estavam no olho de uma tempestade sem data marcada para terminar. Agora, o Jean um dia audacioso e ávido como uma mariposa, permanecia quieto em seu canto, esperando as águas se acalmarem como um marinheiro perdido no oceano. 


jean-auguste rené bertrand
Jean-Auguste Bertrand
avatar

Posts : 21
Idade : 18
Localização : Paris, França

Ficha Mágica
Ano Escolar: Concluido
Nível do Personagem: Trasgo Trasgo
Casa: Noble

Sociedade Magica
Sociedade Magica

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Imperial

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 :: Térreo

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum